Publicidade

Ecodécor > Artes, design e artesanato
02/07/2010
À mão brasileira
Texto Thales Bormann (estagiário) e Romulo Osthues | Fotos Divulgação
O artesanato é parte da cultura brasileira. Onde quer que estejamos, seja no Norte ou no Sul, no Leste ou no Oeste, encontramos objetos típicos da região local. Quem nunca parou para, ao menos, observar os detalhes presentes nessas verdadeiras obras de arte? E levá-los para casa como recordação daqueles momentos únicos vividos naquele local?

São objetos feitos a partir de uma diversidade enorme de matérias-primas como argila, madeira, capim... Tudo isso se transforma em produtos que garantem o sustento de muitas famílias, além de decorarem outros diversos lares brasileiros e internacionais.

Selecionamos alguns objetos, feitos de maneira totalmente artesanal, que podem ser encontrados sem ir até o local de sua fabricação, adquirindo-os em lojas de decoração perto de você ou pela internet.


 

Preservando um paraíso...
Na praia de Trancoso, litoral baiano, a artesã Laila Assef espalhou lixeira para recolher uma matéria-prima que fertiliza o seu ateliê: garrafas PET aproveitadas da tampa até o fundo. Para se transformarem na luminária Tchu Tchu, bastou entusiasmo e dedicação ao planeta. “Quer coisa melhor que fazer um trablaho bonito, ecológico e morar em um paraíso?”, brinca Laila só para nos fazer inveja.

Tem bambu para tudo...
Ponho minha mão no fogo pelo bambu: é a mais versátil entre todas as plantas usadas como matéria-prima na arquitetura e na decoração. Mais que isso, o bambu tem, naturalmente, um grande potencial ecológico. É fácil de cultivar, amadurece e se reproduz rapidamente e não precisa ser arrancado do solo durante a colheita, renascendo inúmeras vezes. 
Cestos para pães da Rojemac Dayan Casa.

Faça um piquenique...
De um lado, esteiras em fibra de buriti de Alcântara, MA. Do outro, mexedores de bambu, de Pilar do Sul, SP. O resultado é a colorida esteira para a cesta de piquenique, no Instituto Meio.

Escuta essa!
O que a indústria fonográfica renega, Surama Caggiano usa como matéria-prima. A artista plástica transforma CDs em pecinhas que resultam em mosaicos, aplicados em objetos com um colorido sem igual. Para isso, ela lixa os CDs e depois os pinta ou cola papéis atrás deles. O mais bacana é que até mesmo a base que recebe os pedacinhos vem de reaproveitamento, como cascos de palmeiras, tábuas que já foram cenários teatrais e canos de PVC.

Arte de fibra...
Uma intensa sensibilidade envolve as fibras de piaçava e palha da costa que, nas mãos de uma comunidade de quilombolas do Pratigi, no sul da Bahia, passam a ser objetos para levar beleza à casa. O selo Cultiverde atribuído às peças atesta que não há intermediários e elas têm isenção de taxas para promover um comércio justo, estimulando o desenvolvimento dos artesãos. À venda na Tok & Stok.

 

Almofadas confortáveis...
Então sente nas almofadas criadas pela comunidade Mulheres de Valente, BA. Além das cores vibrantes aplicadas nos tecidos, você terá sobre o sofá belíssimas imagens que lembram a paisagem regional, na Mundaréu.

*As peças têm preço sob consulta.

Onde encontrar


Instituto Meio Tels.: (11) 3628-6286, 3813-6286
Laila Assef Tel.: (73) 3668-1492; www.lailaassef.com.br
Mundaréu Tel.: (11) 3032-4649; comercial@mundareu.org.br
Rojemac Dayan Casa Tel.: (11) 3616-9900; www.rojemac.com.br
Surama Caggiano Tel: (11) 2892-4188; www.artesurama.blogspot.com
Tok & Stok Tel.: (11) 3583-4700; www.tokstok.com.br




Fechar
Mostre o seu espaço, receba a nossa Newsletter semanalmente e participe de concursos! Faça parte de nosso portal, cadastre-se!

As melhores revistas de decoração do Brasil!

Parabéns a todos! Tornei-me leitora da Revista Feng Shui em Casa recentemente e estou adorando as matérias publicadas! Porém tenho algumas dúvidas e gostaria de ajuda para entender o processo

Cida Gonçalves, Diadema - São Paulo, via e-mail
Editora Online