Publicidade

Faça já! > Resolva
Dúvidas em dobro

 Texto: Camila Oliveira / Imagens 3D: Maiara Matos

 

Missão 1

Mais praticidade
Recebemos uma mensagem muito bem-humorada da leitora Cristiane Couto (veja no final dessa matéria), contando sobre suas dificuldades na cozinha. Para começar, o ambiente não possui um item fundamental, por falta de espaço: o fogão. Quando precisa cozinhar, a moradora utiliza o micro-ondas, mas fica na área para apoiar as travessas quando as refeições ficam prontas. Ela já havia pensado em colocar um nicho pronto para um cooktop de quatro bocas, mas as medidas do móvel não servem para nenhum eletrodoméstico do mercado.

 

Para solucionar a falta de fogão, Maiara sugeriu que os armários fossem substituídos por um balcão, que recebe um cooktop elétrico de quatro queimadores. O modelo poderia ser um do tipo indução digital móvel, que não necessita de corte no balcão, mas possui apenas um queimador, o que impossibilita o preparo de várias refeições ao mesmo tempo.

 

Na proposta da profissional, a geladeira foi trocada de lugar, e em seu antigo espaço, foi colocado um forno micro ondas e um forno elétrico de embutir. Essa ideia faz que a metragem seja mais bem aproveitada, se comparamos a um fogão convencional com forno.

 

Na área em que o micro-ondas ficava, uma bancada pode servir de apoio para os utensílios culinários. “Ela pode adquirir os móveis em lojas de magazines, com armários para cozinhas compactas, ou optar por móveis planejados, negociando os valores”, explica Maiara.

 

Mesmo com todas as soluções, a organização é um item essencial, que deve ser mantido. É importante usar um cesto de roupas na lavanderia, e separar um armário para guardar utensílios e produtos de limpeza, deixando o ambiente com menos objetos acumulados.

 

A lavanderia também recebeu atenção especial. “A Cristiane tem duas opções: fechar a lavanderia, com um box de vidro transparente, ou deixar o espaço aberto. Se ela optar por fechar, terá a vantagem de dividir os ambientes e manter o visual mais organizado, mas, por outro lado, deixará o local mais apertado do que já é”, afirma a designer.

 

Assim como em todos os espaços pequenos, as cores devem ser escolhidas com cuidado. É preciso utilizar tons claros e neutros para não pesar nem diminuir o espaço visualmente.

 

Missão 2

Estilo campestre
Já a leitora Micheli Sant’ Anna, de Jacareí (SP), enfrenta alguns problemas típicos das construções modernas, com medidas reduzidas e irregulares. Ela quer aproveitar algumas peças de sua antiga casa, como um sofá em L e um relógio antigo de uma estação de trem, e ter uma residência com estilo de casa de campo, com toques provençais. Dessa forma, Maiara apostou em uma decoração rústica com baú e malas antigas, além de um tapete redondo artesanal e uma lareira móvel ecológica a álcool.

 

A escada da sala quebrou a regularidade do ambiente e prejudicou a criatividade de Micheli, que queria aproveitar o espaço embaixo dela. Maiara explica que não seria possível colocar a TV diretamente no local, pois traria desconforto por ficar muito baixa. A ideia foi fechar a área com nichos, para abrigar plantas ou objetos decorativos, com revestimento de tijolo aparente, e colocar o rack com a televisão em frente a ela.

 

O lavabo fica entre a sala de estar e a cozinha, e a moradora queria ter um móvel rústico de madeira patinada com cuba suspensa no local. Sendo assim, Maiara escolheu um gabinete instalado que segue o estilo desejado, com cuba redonda sobreposta. As paredes ganharam um revestimento de tijolo aparente, mas de outro modelo. O lustre cede espaço a uma arandela pendente, que dá continuidade ao clima campestre.

 

O corredor em frente ao lavabo é o local perfeito para a instalação do relógio citado no e-mail. Micheli também faz artesanato e pintura em madeira, então complementará a decoração com peças feitas por ela, que combinam com a proposta.

 

Já na cozinha, Maiara apostou em uma mesa de madeira com bancos almofadados, além de uma cortina na janela, para garantir um toque romântico. A mesa rústica foi colocada no projeto em 3D, com bancos de madeira, e sobre ela, um lustre de roda de carroça, um diferencial. O fogão industrial preto acompanha uma coifa piramidal, que segue o estilo.

 

A geladeira vermelha com ares retrô ganha destaque, e como revestimento do piso, Maiara escolheu o cimento queimado, pigmentado na mesma cor da geladeira.

 

Cortinas amarelas com estampa xadrez protegem a janela e também são usadas embaixo da pia, trazendo a simplicidade das casas de campo.

Fechar
Mostre o seu espaço, receba a nossa Newsletter semanalmente e participe de concursos! Faça parte de nosso portal, cadastre-se!

As melhores revistas de decoração do Brasil!

Tudo que eles fazem, fazem com AMOR... Este é o segredo do sucesso do @portaldecoracao.

Dielle Melo, São Luís - Maranhão, via Twitter
Editora Online