Publicidade

Ponto de vista > Artigos
10/09/2010
Como planejar um quarto infantil
Texto Vanessa Guimarães | Fotos Divulgação
Vanessa Guimarães é empresária e dona de loja que leva o seu nome
A notícia da gravidez acontece, todos se emocionam e vem aquela euforia unida a uma fase cheia de planos. Até que chega o momento de pensar no lugar que abrigará o seu filho e onde ele irá viver as primeiras sensações. Respire fundo e pense por partes.

O primeiro passo é saber o sexo do bebê e as preferências de temas dos pais. Depois, comece pelos revestimentos: se o piso for de madeira, que seja claro para transmitir leveza. Se for aproveitar o que já existe, pense em uma pátina ou em um clareamento. Se forem tacos em mal estado, revista-os com piso vinílico, de preferência branco, mas sobreponha um tapete para aliviar a frieza desse material. Carpete, nem pensar! Muitos bebês são alérgicos. Nas paredes, pode-se usar lambris apenas do rodameio ao piso, unido à pintura ou papel de parede do rodameio ao teto. O lambri deve estar entre 1,10 a 1,30 m de altura ou, então, a 1,80 e 1,90 m. Deixe a área que compreende a altura de 1,40 a 1,80 m livre para quadros, prateleiras e nichos. Particularmente, gosto do lambri alto a 1,80 m, que pode ser pintado com outras cores, e já obtive resultados surpreendentes.

Pode ser usado apenas papel de parede, mas é preciso atenção com as misturas. Aliás, não sou muito a favor de borders, principalmente dividindo a parede com papel texturizado em cima e listradinho embaixo. Se for usar, opte por apenas um tipo de padronagem.

Se o quarto for pequeno, sugiro retirar duas portas do armário embutido criando, sobre as gavetas, um trocador, como se estivesse embutindo uma cômoda no armário. Inclusive pode-se empapelar o fundo do armário que ficará exposto.

Na compra dos móveis, tenha à mão a planta baixa do quarto, pois os berços têm medidas externas por volta de 1,40 x 0,80 m. Já as cômodas podem ser encontradas a partir de 0,90 x 0,50 m até 2,00 x 0,55 m. Depois de escolhidos esses acessórios, veja se há espaço para a “cama da babá”, cujo colchão pode ser de 1,88 x 0,78 m, e a poltrona de amamentação, que varia nos modelos e medidas. O cômodo precisa de espaço para circulação e, ao entrar, deve-se ter a visão de todos os móveis. Portanto, não disponha o berço no centro, para não impedir a movimentação.

Nos tecidos, para as meninas, abuse dos forais, misturando-os com listras e xadrezes. O rosa ainda está forte. No entanto, o lilás veio para ficar e o vermelho, devagarzinho, conquista espaço. Para eles, carrinhos, esportes, listrados, xadrezes e lisos compõem bem. O azul é eterno em todos os tons, assim como o bege. Mas eu aposto no verde-malva. Não existem regras para as combinações na roupa de cama e de berço, o importante é equilibrar as estampas e as texturas.  


Precisa de mais inspiração? Veja 10 projetos de quartos infantis            
Fechar
Mostre o seu espaço, receba a nossa Newsletter semanalmente e participe de concursos! Faça parte de nosso portal, cadastre-se!

As melhores revistas de decoração do Brasil!

Fiquei muito feliz porque o Portal Decoração foi lançado. Quero que saibam que vou estar sempre aqui aperriando todos vocês. Um super Cheirão!

Tatiana Veras, João Pessoa - Paraíba, via e-mail
Editora Online